RMC

‘Nova Odessa é um exemplo a ser seguido’, diz secretário executivo do Consórcio PCJ


Antecipação no desassoreamento de represas realizado pela Prefeitura foi destacado durante encontro do Conselho de Desenvolvimento da RMC

 

“O Bill (Benjamim Bill Vieira de Souza) foi muito eficiente e eficaz enquanto gestor público para tratar da questão do desassoreamento das represas. Nova Odessa é um exemplo a ser seguido.” Desta maneira, o secretário executivo do Consórcio PCJ, engenheiro Francisco Carlos Castro Lahóz, destacou esta semana, durante o encontro de prefeitos do Conselho de Desenvolvimento da RMC (Região Metropolitana de Campinas), as ações tomadas pela Prefeitura para superar a crise hídrica.

 

Segundo Lahóz, a determinação de Bill em antecipar o desassoreamento em um momento em que pouco se falava sobre esta ação foi de extrema importância para que o município pudesse aumentar sua capacidade de abastecimento e, assim, se preparar para novos períodos de estiagem. O secretário executivo afirmou que a ação é exemplo a ser seguido e, durante a reunião, sugeriu que outros municípios também realizem tais obras.

 

“Temos fatos a comemorar, como termos deixado de depender do Volume Morto e já termos superado este ano o índice de 30% do volume útil do Sistema Cantareira, mas agora é o momento de olhar para frente e criarmos condições para não sofrermos mais com as instabilidades ambientais”, disse.

 

Lahóz afirmou que Bill foi arrojado ao defender o desassoreamento. “Ele defendeu que os reservatórios estejam com total capacidade para armazenar água e não lodo, como acontece em muitas cidades”, afirmou. “Em muitos locais, quando chegam as chuvas, você olha no reservatório e ele está repleto, no entanto, uma boa camada é lodo, é terra que se acumulou. Quando a seca chega, descobre-se que esta abundância que se imaginava ter não existe e aí pode ser tarde demais”, continuou.

 

O secretário executivo destacou durante o encontro de prefeitos que mesmo sem saber direito quais os trâmites necessários, Bill não se deu por vencido e, junto de sua equipe na Prefeitura e Coden (Companhia de Desenvolvimento), buscou todas as autorizações para que pudesse fazer o desassoreamento. “Queremos agora, com este exemplo, ajudar outras prefeituras para que aumentem a capacidade de seus reservatórios, para que construam novas represas”, disse.

 

“Fiquei surpreso e muito honrado com as palavras do Lahoz, um dos nomes mais respeitados quando falamos em gestão hídrica no País. Isso mostra que apesar de todas as dificuldades, estamos fazendo a nossa lição de casa e nossa população pode se orgulhar de Nova Odessa”, afirmou o prefeito Bill.

 

CAMPANHA – Lahoz afirmou que, baseado na ação realizada pela Prefeitura de Nova Odessa, o Consórcio PCJ está lançando uma campanha que busca a desburocratização no processo de outorgas para o desassoreamento. “Esta é uma medida que vai facilitar não apenas a vida dos gestores públicos, mas também aqueles agricultores e empresários que possuem em suas terras represas e que querem aumentar sua capacidade”, explicou.

 

Segundo ele, desde 2014 o consórcio realiza o cadastramento de prefeituras, agricultores e outros órgãos interessados em desassorear represas e que agora todo material coletado será enviado ao Governo do Estado. “Queremos que o governo passe ao município a autonomia para emitir as licenças necessárias, agilizando o processo, estreitando laços entre Administração e produtor rural e possibilitando, assim, que estejamos melhor preparados para novos períodos de seca”, disse.

 

O secretário executivo destacou que a concessão destas licenças pelos Municípios contarão com aval do Consórcio e outros comitês e grupos gestores.

 

Lahóz destacou ainda que o Consórcio realizará também uma ação de incentivo a recuperação de nascentes, considerada por ele mais uma etapa importante para garantia do abastecimento. “Novamente neste quesito temos Nova Odessa como referência e vamos usar o Município como exemplo”, disse.

 

SAIBA MAIS – Nova Odessa realizou em 2014 o desassoreamento de três das seis represas instaladas na cidade. Com a ação, o Município praticamente triplicou sua capacidade de armazenamento.

 

Além disso, foi iniciada na cidade uma ação visando o consumo mais consciente de água por parte da população, reduzindo a quantia utilizada durante e após o período crítico.

 

Após desassoreamento, a Prefeitura de Nova Odessa iniciou um trabalho de recuperação das nascentes, recuperando os espaços. O trabalho desenvolvido com o Programa Municipal de Sustentabilidade Hídrica teve início com o mapeamento de 167 nascentes e o início do trabalho de recuperação.

 

Este projeto é acompanhado desde o início pelo vereador Vagner Barilon, que apresentou o programa ao prefeito Bill, e o coordenado pelo pesquisador Rinaldo Calheiros, do Instituto Agronômico de Campinas.

 

 

Foto: Osnei Réstio

 

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
http://sb24horas.com.br