Nilton Santos pede inclusão do Legislativo nas reuniões que tratam do futuro do Horto Florestal de Limeira


Ofício foi encaminhado à Diretoria da Câmara de Conciliação, em Brasília 

Com o objetivo de ter participação nas reuniões de conciliação promovidas pela Advocacia Geral da União, que tratam da doação de área do Horto Florestal de Limeira para o assentamento de reforma agrária, o presidente do Legislativo, vereador Nilton Santos (PRB), encaminhou no dia 25 de janeiro, à Diretoria da Câmara de Conciliação e Arbitragem da Administração Federal da Consultoria-Geral da União da Advocacia-Geral da União, um ofício pedindo a inclusão da Câmara Municipal de Limeira.

“As reuniões, ocorridas em Brasília, tratam da doação da área do Horto Florestal de Limeira para assentamento e reforma agrária e contam com a participação de representantes do MST, INCRA, Prefeitura, porém, não tem participação da Câmara, que é representante legal do povo”, pontua o vereador.

“Temos o direito e dever de participar desta discussão, porque vamos levar para conhecimento dos nossos representantes, em Brasília, o que espera a população de Limeira no que diz respeito ao futuro do Horto Florestal”, completou Nilton Santos.

A expectativa do presidente é que a sociedade participe dos debates referentes a este tema. “Queremos participar das reuniões e trazer para conhecimento de todos os envolvidos os anseios da população e não apenas o debate político”, destacou o vereador.

 

Assessoria de imprensa

Comentários