24Horas RMC

Meio Ambiente intensifica fiscalização sobre descarte de entulhos em Nova Odessa

Equipe orienta moradores sobre locais corretos para descarte

 

Sofás, restos de comida, galhos de árvore, eletrônicos, entulhos. Estes são alguns dos materiais que estão sendo deixados indevidamente nos LEVs (Locais de Entrega Voluntária) do Bosque Manoel Jorge e Parque Isidoro Bordon em Nova Odessa. Assim como o PEV (Posto Local de Entrega Voluntária) da Praça Central José Gazzetta, estes locais são destinados ao descarte exclusivo de materiais recicláveis. A Secretaria de Meio Ambiente está intensificando a fiscalização e vai multar quem for flagrado deixando resíduos irregulares.

 

“Os LEVs, PEV e Ecoponto foram instalados em nossa cidade com o objetivo de oferecer locais acessíveis e corretos para o descarte dos entulhos. No entanto, os moradores precisam ter consciência sobre a utilização correta destes espaços, levando apenas os materiais que podem ser descartados”, explicou a diretora de Meio Ambiente, Fernanda Dagrela.

 

Ela destacou que todo material levado a estes locais são posteriormente separados, com apoio de cooperativas e empresas, para a destinação final adequada. “Os Ecopontos, LEVs e PEV não são lixões. São pontos de coleta de materiais que serão depois separados e encaminhados de maneira correta para a destinação final, evitando a poluição e contaminação do meio ambiente e garantindo a organização da cidade. Infelizmente, temos cidadãos que não respeitam e descartam todo tipo de material impróprio, comprometendo seriamente o serviço oferecido”, lamentou.

 

Segundo ela, a Prefeitura realiza periodicamente a limpeza dos locais, no entanto, nas últimas semanas, tem aumentado a quantidade de materiais impróprios descartados. “Vamos intensificar a fiscalização e autuar estes infratores. O descarte de lixo e entulhos em local impróprio pode gerar multa de R$ 500 a R$ 5 mil”, afirmou a diretora.

 

Ela ressaltou que o intuito da legislação municipal que proíbe o descarte irregular não é multar, mas sim conscientizar, no entanto, a situação está se agravando. “Quem cumpre a legislação não precisa se preocupar, mas é preciso impedir que pessoas sem consciência sujem e prejudiquem nossa cidade”, ressaltou.

 

Além da intensificação na Fiscalização, a Secretaria de Meio Ambiente iniciará em breve nova campanha de conscientização sobre o descarte correto. “Estamos preparando novo material de orientação que será distribuído à população. Colocaremos também placas e usaremos as nossas redes sociais para esta ação”, adiantou.

 

No ano passado, a Secretaria de Meio Ambiente emitiu 958 notificações e 98 multas por descarte irregular em Nova Odessa.

 

VOCÊ SABIA? – Desde 2014 Nova Odessa conta com a lei municipal 2.883 que proíbe o descarte irregular de lixo e queimadas nas ruas. Quem for flagrado descumprindo a lei é notificado sob pena de multa que varia de R$ 500 a R$ 5 mil. Além disso, caso o responsável não promova a limpeza do local, tem acrescido ao valor o custo da operação de retirada.

 

Denúncias de irregularidades podem ser feitas no setor de Meio Ambiente da Prefeitura de Nova Odessa, localizada na Avenida João Pessoa, 777 – Centro, ou pelo telefone (19) 3476-8600, pelos ramais 277, 293 ou 314.

 

O QUE PODE SER DESCARTADO?

 

Saiba o que pode e o que não pode ser descartado em cada local:

ECOPONTO

Podem ser descartados materiais recicláveis (papel, papelão, plástico, vidro, metal, isopor) limpos (sem restos de comida ou resíduos orgânicos);

Entulhos (resíduos da construção civil, devidamente separados, até 1m3/gerador/dia);

Madeiras e móveis usados (guarda-roupa, sofá, mesa, colchões, etc);

Restos de poda;

Óleo de cozinha (devidamente embalado em garrafa PET);

Roupas usadas;

Eletrônicos (televisão, computadores, monitores, celulares, carregadores, telefones, etc);

Pneus (até 4 unidades/gerador/dia).

 

Não podem ser descartados: resíduos orgânicos (restos de alimentos, bebidas, de sanitários); resíduos hospitalares e farmacêuticos; animais mortos; resíduos perigosos; resíduos industriais; lâmpadas fluorescentes; pilhas e baterias.

 

LEVs e PEV

Podem ser descartados materiais recicláveis como papel, papelão, plástico, vidro, metais e isopor.

 

Não podem ser descartados restos de alimento, animais mortos, resíduos hospitalares, restos de podas de árvore e entulhos.

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
http://sb24horas.com.br