Jorge & Mateus esgotam bilheteria e são homenageados no palco como representantes oficiais da 31ª Festa do Peão de Americana

Os Embaixadores de Americana!

A penúltima noite de rodeio foi regada à emoções e novidades! Talvez tenha sido a mais esperada desta edição, data em que se apresentaram os primeiros embaixadores oficiais da história da Festa do Peão Americana. Jorge & Mateus foram escolhidos para carregar o título e, como sempre, mostraram que fizeram e fazem por merecer.

Com 12 anos de carreira, Jorge & Mateus batem uma década consecutiva de apresentações. “Para receber este título tão importante e, ainda por ser o primeiro, não pensamos em mais ninguém que não fossem eles, amigos, talentosos e cantores extraordinários”, disse Beto Lahr, presidente do Clube dos Cavaleiros.

A cada nova edição, um artista será escolhido para representar o rodeio. Para isso, não é preciso ter só popularidade e bater milhares de números em suas redes sociais e em vendas de discos. É fundamental ter também uma história de amor envolvendo a trajetória profissional e a festa de Americana. Foi assim com Jorge & Mateus. “Este é o nosso décimo ano aqui em Americana. Isso, graças a Deus e a vocês, que nos recebem com tanto carinho. É muita gente que vem de longe, seja para o rodeio ou para assistir ao nosso show. Tem gente até de Manaus”, disse Jorge, convidando o presidente, Beto Lahr e o vice-presidente Pé Meneghel, para subirem ao palco. “Jorge & Mateus têm muito carisma e transmitem a energia de Americana, são a identidade musical da festa”, falou o presidente que, em seguida, entregou uma fivela e um quadro aos cantores.

A dupla foi a segunda atração a se apresentar na noite. “Pelo amor de Deus, Jorge & Mateus” o coro era alto, era lindo e foi longe. Os colecionadores de sucessos subiram ao palco por volta de 2h da manhã e metralharam hit após hit. Foram recebidos com aplausos e gritos quase histéricos de uma arena completamente lotada ao som de ‘Vou Voando’.  Emendaram com “A Hora é Agora”.

 

Show no palco e na plateia. Enquanto os artistas se apresentavam, no chão, cenas de amor com casais trocando afagos e muita paquera, afinal o clima permitia. As novas ‘Se Não Tiver Amor’ e ‘Medida Certa’ estiveram no repertório.

 

 

Antes, ficou com Gustavo Mioto a missão de esquentar o público. Estreante no palco, a festa no entanto não é novidade para o jovem que, desde que nasceu, acompanha os bastidores de Americana. Logo no início da apresentação, o cantor agitou a galera com ‘Boato’, gravada com Bruninho & Davi. Dono de ‘Impressionando os Anjos’ – o clipe da musica já foi visto mais de 30 milhões de vezes no Youtube –  agradeceu o calor das pessoas que lotavam o Parque de Eventos CCA: “Deus está realizando todos meus sonhos em 2017. Um deles é cantar neste importante rodeio. Obrigado”.

Uma noite para todas as tribos

 

Para encerrar as apresentações, também pela primeira vez na Festa do Peão de Americana, o DJ brasileiro e ícone internacional da música eletrônica, Alok, tomou conta das pickups. Dono do hit “Hear Me Now”, o goiano está entre os 50 melhores do mundo, segundo a revista DJ Mag. ‘Love is a Temple’, que foi sucesso no Tomorrowland da Bélgica este ano, também esteve entre as escolhidas para a apresentação de sábado. Vale lembrar que até esta noite, o rodeio bateu recorde de público e ingressos esgotados, mostrando que a festa era para todos os gostos.

 

 

 

Provas Esportivas

Pela 17ª etapa da Copa Panther Rozeta Cutiano, o clima foi de decisão. O público de Americana conheceu os 15 competidores que estarão na final da noite de domingo.

Na arena, a primeira posição de sábado ficou para o empate de Ari Piovezan Junior, no animal ‘Maracutaia’, e Silvino José dos Santos, no ‘Modelo’, ambos com nota 87. O segundo lugar ficou para Zeius Cruz da Fonseca, no ‘Queda Livre, com 85,50 e, em terceiro, Eliomar Pereira Santos, no ‘Torpedo’, com 85,25. Marco Antonio Silva, no ‘Cartilha’ e nota 84,74, ficou com a quarta posição. Na quinta, Vilson Martins de Araújo, no ‘100%’, com 83,50. A sexta melhor nota foi de Altamiro Lima Santos, no ‘Vento Frio’, e 83.25.

 

Nas cronometradas, foi definida as seis primeiras semi-finalistas que disputarão a final de domingo. Na somatória, Rafaela Fortunato no ‘St Gabiroba’ conquistou a primeira posição com 34,641.

2) Lisandra Carvalho – Jhonny – 34,782

3) Ana Carolina Cyrino – Dual Lena Pep – 34,982

4) Eduarda Ferreira Peres – Zorrero Shady – 35,092

5) Julia Shin Hi Yu – Zumbi Lee Oroite – 35,295

6) Odara Luiza Teran Fukuyama – Linda Aguia Victory – 35,565

 

Estreante em Americana, Lucas Divino conquistou o título da etapa. Após levar a fivela em Divinópolis – MG, ele fez bonito no interior paulista. Montando no ‘Executivo’ fez 88 pontos. “Estou sem palavras. Só sei que Deus é fiel em minha vida e tem realizado todos os meus sonhos. Montar em Americana era um deles”, disse o atleta de 23 anos. Lucas Divino é forte candidato ao prêmio de revelação da PBR em 2017.

A segunda colocação da etapa foi do campeão mundial de 2008, Guilherme Marchi, no ‘Caixa Dois’, com 85,75. Na terceira posição, Emilio Resende, no ‘Desprezo’, com 83,25.

 

Neste domingo, os 12 competidores que tiveram as maiores somatórias de sexta e sábado terão o direito de disputar o título do ‘Iron Cowboy’. São eles: Junior Quaresma, Rodolfo Alves, Junior Patrick, João Augusto, Lucas Divino, Edmilson Gonçalves, Guilherme Marchi, Emilio Resende, Claudio Montanha, Rafael Henrique, João Ricardo e Joander Donato.

 

Desafio do Bem

Uma montaria para entrar na história, afinal, esta foi a primeira vez que um atleta norte-americano participou do Desafio do Bem em prol ao Hospital de Câncer de Barretos. De um lado, o campeão mundial de 2004, Mike Lee, dono de mais de 500 paradas pela Professional Bull Riders (PBR). Do outro, ‘Promotor’, filho do lendário ‘Advogado’, ambos do plantel da Cia Paulo Emílio. Em jogo, mais de R$ 400 mil arrecadados até o momento. Com a arena completamente lotada, ‘Promotor’ deu o seu show e levou a melhor. Após a queda em menos de oito segundos, Mike Lee se ajoelhou e agradeceu. “Montei pela causa e jamais me recusaria ajudar milhares de pessoas que são beneficiadas pelo hospital”.

 

 

Montarias

18 de junho: montaria em touros, cutiano, três tambores feminino;

 

Artistas:

18 de junho: Projeto Clássico com Chitãozinho e Xororó e Bruno e Marrone

 

Fotos crédito para Adilson Silva/FotoPerigo

Comentários
Posted Under