Fora, Palmeiras defende liderança; Santos joga em casa para voltar ao G4


Três paulistas entram em campo neste domingo, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. O líder Palmeiras enfrenta o oitavo colocado Fluminense, enquanto o Santos, em quinto, joga contra o Figueirense, 18º. Na parte de baixo da tabela, o São Paulo faz confronto direto com o Coritiba.

De manhã
Na Vila Belmiro, às 11h, o Santos abre os trabalhos. A equipe comandada por Dorival Júnior ocupa a quinta colocação e enfrenta o Figueirense, 18º colocado com 21. Uma vitória pode reconduzir o time santista ao G4, já que os quatro posicionados à sua frente na tabela jogam fora de casa.

O jogo pode marcar a despedida de Gabriel, que ainda é dúvida. O jovem atacante foi negociado com a Inter de Milão (ITA) e se não jogar seu substituto deve ser o colombiano Copete. Suspenso, o zagueiro Gustavo Henrique não joga e deve abrir espaço para David Braz atuar ao lado de Luiz Felipe.

Na história do Campeonato Brasileiro o Santos venceu 13 jogos e perdeu oito, empatando duas vezes. O time da Vila marcou 46 vezes e sofreu 28 gols. O primeiro confronto aconteceu em 1976.

Melhor ataque x Melhor defesa
Com o melhor ataque da competição com 38 gols marcados, o líder Palmeiras desafia o oitavo colocado Fluminense, dono da melhor defesa com 18 gols sofridos às 16h, no Mané Garrincha. A diferença de nove pontos pode cair bastante, uma vez que o time carioca tem um jogo a menos.

Para o confronto, o técnico Cuca poderá contar com o retorno do atacante Gabriel Jesus, campeão olímpico com a Seleção Brasileira. Após cumprir suspensão, Erik pode retornar ao time e disputa posição com Roger Guedes. Por sua vez, o volante Thiago Santos, suspenso, está fora. Zé Roberto, que saiu machucado no último confronto, deve ser baixa.

Rivais na história do Brasileiro desde 1960, o Palmeiras já venceu 26 jogos contra 17 vitórias do Fluminense. Nove vezes o confronto acabou empatado. O time paulista marcou 78 gols ao longo destes 56 anos e sofreu 65.

Contra a crise
Apenas o 11º colocado do campeonato com 27 pontos, o São Paulo figura mais próximo da zona de rebaixamento que da disputa por uma vaga na Libertadores. Às 16h, no estádio do Morumbi, o tricolor recebe o Coritiba, 14º colocado com 25 pontos, num confronto direto para se distanciar das últimas colocações.

O técnico Ricardo Gomes precisa recuperar o astral são-paulino após derrota para o Juventude, em casa, pela Copa do Brasil. O time gaúcho disputa a Série C do Campeonato Brasileiro. Titular no confronto, Bruno sofreu estiramento na coxa esquerda e deve ceder lugar ao argentino Buffarini.

Em 44 jogos na história desde 1969, o São Paulo tem vantagem com 18 vitórias, com 13 triunfos do adversário e outros 13 empates. O time do Morumbi marcou 68 gols e sofreu 60.

FPF
Comentários