Fêmina Escola de Dança, do Rio Grande do Sul, subirá ao palco na Disney representando o Brasil

‘Disney é o lugar onde embala todos os sonhos e poder dançar lá é como se o sonho tivesse tornado realidade’, conta a diretora do grupo, Fabiana Corá, que embarca para o programa – representado pela Qualité Turismo no Brasil – no dia 01 de setembro

 

Um dos principais sonhos de muitos bailarinos brasileiros está para se tornar realidade para a Fêmina Escola de Dança, de Farroupilha, no Rio Grande do Sul. Eles farão sua primeira apresentação fora do País e em um dos lugares mais amados do mundo, a Disney. A escola de dança embarca no dia 01 de setembro para Orlando, nos Estados Unidos, após ser selecionada no programa ‘Disney Performing Arts’, representado pela Qualité Turismo no Brasil, que já levou mais de 30 escolas de dançarinos daqui para se apresentarem nos palcos da terra do Mickey e seus amigos.

A diretora e coreografa do grupo, Fabiana Corá, conta que sempre assistiu outras escolas de dança se apresentarem na Disney, mas nunca imaginou que isso poderia acontecer com ela e sua alunas. “Aqui em Farroupilha todos estão comentando e falando do assunto. Por sermos de uma cidade pequena, todos se sentem também participando deste nosso momento. Por vários anos assisti da arquibancada e vi outras escolas lá, mas nunca imaginei que minhas alunas um dia poderiam estar ali, na casa do Mickey. Não tem alegria no mundo maior do que essa. Quando fui selecionada quase ‘tive um treco’. Vamos com 32 bailarinas e 30 acompanhantes. Será uma viagem incrível!”, comemora.

A novidade internacional não é a única que a Fêmina festeja. Dançar na Disney abriu portas para outros convites que a escola de dança recebeu. “Digo que estamos vivendo a nossa melhor fase. Estamos amando cada momento, cada dança montada para o espetáculo. Temos trabalhado bastante e assim que voltarmos, na outra semana, já fomos convidadas para participar da abertura do Sul Em Dança, em Porto Alegre. É muita alegria”, completa a coreógrafa.

Espetáculo na Disney homenageia florestas

Antecipando um pouco do que suas bailarinas apresentarão em Orlando, Fabiana Corá revela que o espetáculo inédito prestará uma homenagem às florestas brasileiras. “O espetáculo se chama Encantos da floresta. Vamos mostrar a beleza das nossas flores, animais, e os mistérios da mata regido por seres místicos. Nosso foco também será na alegria dos povos”, revela a diretora da escola.

Sobre o Disney Performing Arts

Os bailarinos das escolas aprovadas para participar Performing Arts – no caso do Brasil a maioria entre 10 a 18 anos, apesar de não haver restrição de idade, adultos são muito bem-vindos – têm a chance de vivenciar a experiência de ser um artista da Disney. A empresa abre a pauta do palco principal do Disney Springs para que escolas do mundo inteiro possam dançar de 15 a 30 minutos. Em contrapartida, oferece workshops com os coreógrafos dos musicais. “Eles ficam nos hotéis Disney, vão nos parques e presenciam in loco o que aprenderam na sala de aula. Por exemplo, aprendem no workshop uma coreografia do rei Leao, depois a assistirão no musical apresentado no Animal Kingdom”, conta Fabiana

Em quatro anos, a Qualité já levou para o palco Disney mais de 30 escolas, desde corpos de baile de academias renomadas no cenário nacional, da Academia de Dança Vera Passos de Fortaleza – Ceará a Cia Livre de Dança da Comunidade da Rocinha do Rio de Janeiro.

 

Qualité Turismo

Com dez anos de atuação no mercado, a Qualité Turismo é uma empresa sediada na cidade do Rio de Janeiro que se diferencia do mercado por oferecer atendimento personalizado. Especializada em intercâmbio cultural e educacional, além da expertise em lazer e negócios, a Qualité  trabalha para transformar o sonho de seus clientes em realidade tendo como seu principal compromisso a qualidade.

Comentários