Em Nova Odessa, exames laboratoriais não precisarão ser agendados

Mudança na Central de Regulação começa no dia 15 de fevereiro

 

A partir do dia 15 de fevereiro, pacientes de Nova Odessa que precisam fazer exames laboratoriais não precisarão mais fazer o agendamento. A Secretaria de Saúde de Nova Odessa está finalizando a implantação do controle eletrônico destes procedimentos e, com a informatização, os pacientes podem sair do médico com o pedido e ir diretamente ao laboratório para fazer os exames solicitados.

 

De acordo com o secretário de Saúde, Vanderlei Cocato, a Central de Regulação continua com sua função de analisar os demais pedidos de exames, mas para exames laboratoriais o novo sistema de controle dispensa agendamento. “Neste período de cinco meses em que fizemos o agendamento, identificamos pacientes que realizavam até cinco vezes o mesmo exame dentro de um mês, sem necessidade. Também pudemos identificar qual a maior demanda de exames. Com isso, conseguimos formatar um sistema eletrônico de controle e acompanhamento, que tornará mais eficiente a aplicação do recurso público neste tipo de procedimento”, explicou.

 

Com a informatização, resultados de exames ficarão disponíveis no sistema para consulta dos médicos que utilizam prontuário eletrônico no ambulatório e unidades básicas de saúde. Os exames laboratoriais terão validade de 90 dias. “Tivemos casos de pacientes que passavam pelo clínico geral e realizavam os exames. Na semana seguinte o mesmo paciente passava por um especialista e não apresentava os exames já realizados, assim o médico pedia tudo de novo, porém sem essa necessidade porque o paciente já tinha os exames. Os pacientes precisam entender a importância de, quando passar pelo médico, levar os exames recentes que têm em casa”, explicou Cocato.

 

O secretário ressalta, porém, que pacientes que precisam repetir os exames por recomendação médica poderão refazer sem impedimentos. “Claro que sabemos que alguns pacientes fazem periodicamente um acompanhamento. Nestes casos, o médico terá um formulário especial para solicitar o exame, que será liberado mesmo com período inferior a 90 dias”, concluiu Cocato.

Comentários
Posted Under