Em noite de homenagens, Vôlei Brasil Kirin bate São Bernardo no Taquaral

Foto: João Pires/Fotojump

O Vôlei Brasil Kirin não teve um bom começo, mas foi buscar mais uma vitória na Superliga Masculina de Vôlei. Na noite desta quarta-feira (08), em meio a festa pela comemoração ao Dia Internacional da Mulher nas arquibancadas do Ginásio do Taquaral, o time campineiro derrotou São Bernardo, por 3 a 1 (14/25; 25/23; 25/19 e 25/21), em jogo válido pela décima rodada do returno. O ponteiro Diogo foi eleito o melhor em quadra e recebeu o troféu Viva Vôlei.

Durante a partida, o Vôlei Brasil Kirin realizou diversas ações em homenagem ao Dia Internacional da Mulher com distribuição de brindes, interação entre torcedoras e os jogadores, entrega de rosas e uma mensagem lida pelo campeão olímpico André Heller ao final do primeiro set.

Com 43 pontos e o quarto lugar garantido, o Vôlei Brasil Kirin encerra a primeira fase contra Sada/Cruzeiro, no próximo sábado (11), às 21h30, no Ginásio do Riacho, em Contagem.

“Sabíamos que não seria um jogo fácil. A torcida teve um grande uma grande contribuição na nossa melhora, nos incentivou até o final. Estivemos desatentos no primeiro set, mas nos recuperamos e construímos a partida da forma que imaginamos”, comentou o técnico Horacio Dileo.

O JOGO – Irreconhecível, o Vôlei Brasil Kirin não conseguiu se encontrar no primeiro set . Mesmo com a entrada de alguns reservas, o time campineiro seguiu muito abaixo de seu desempenho e acabou superado: 25 a 14.

No segundo set, os donos da casa conseguiram se soltar e usaram as jogadas de meio, principalmente com Matheus, como principal arma – foram de oito pontos de ataque pelo setor. Os visitantes, no entanto, seguiam impondo dificuldades e comandaram o placar durante boa parte da parcial. O Vôlei Brasil Kirin conseguiu crescer no momento decisivo e buscou a virada. Maurício Souza fechou a porta pela saída de rede e trouxe a diferença para apenas dois pontos (20 a 22). Em seguida, Bruno Temponi anotou ace. Ainda com o ponteiro no saque, Diogo rodou contra-ataques seguidos e os campineiros passaram na frente (23 a 22). Os comandos de Horacio Dileo não desperdiçaram a frente e deixaram tudo igual ao fazerem 25 a 23.

Na parcial seguinte, o Vôlei Brasil Kirin conseguiu extrair o melhor de seu jogo. Logo no início, Diogo e Matheus anotaram pontos de saque e colocaram os donos da casa na frente (7 a 5). O serviço seguiu como principal caminho para o time campineiro construir a vitória. Matheus emplacou grande sequência, com direito a dois aces seguidos, e colocou a vantagem em três pontos (17 a 14). Sem perder o ritmo, o time campineiro aproveitou as oportunidades de contra-ataque e fez 2 a 1 com Temponi explorando o bloqueio: 25 a 19.

 

O quarto set foi mais equilibrado, com os ataques levando vantagem. Durante a igualdade, o paredão do Vôlei Brasil Kirin fez a diferença e garantiu a frente para os campineiros, primeiro com Matheus (13 a 11). Em seguida, Maurício Souza resolveu repetir o companheiro e emplacou dois blocks seguidos (18 a 16). Com toda violência, Diogo anotou ace, os donos da casa fizeram 25 a 21 e fecharam o duelo por 3 a 1.

Comentários