De olho no meio ambiente

Fique por dentro das últimas novidades sustentáveis do mundo automotivo

1. PNEU VERDE

O tempo de decomposição de um pneu chega a até 300 anos. Pensando em reduzir o volume de descarte desse material, muitas montadoras estão em busca de alternativas menos nocivas ao meio ambiente. Uma das novidades é o uso de compostos que causam menos atrito com o solo. Além de aumentar o tempo de vida útil das peças, essa medida diminui o consumo de combustível e, consequentemente, a emissão de poluentes na atmosfera.

2. MENOS PLÁSTICO

Cerca de 140 kg de plástico são necessários para a fabricação de um carro. Para reduzir sensivelmente esse número, os fabricantes de automóveis estão investindo no uso de materiais, no mínimo, curiosos. Engenheiros descobriram que retalhos de calças jeans são um ótimo material isolante, por exemplo. Eles ajudam a reduzir os ruídos do veículo.

3. TAPEÇARIA DE PET

As populares garrafas PET, que podem demorar mais de 200 anos para desaparecer da natureza, são recicladas e transformadas em poliéster. O componente é usado pelas montadoras para a fabricação do revestimento do assoalho e do forro para o porta-malas.

4. LIGA E DESLIGA

Conhecido também como Start & Stop, o sistema permite que o veículo desligue automaticamente quando está parado no sinal ou no trânsito engarrafado. O sistema é acionado novamente ? e o carro liga ? assim que o motorista tira o pé do freio. Acredita-se que, apenas com o uso desse acessório, seja possível diminuir entre 4% e 8% a emissão de gás carbônico na atmosfera.

5. FREIOS REGENERATIVOS

O funcionamento é simples: o sistema transforma em energia elétrica a energia liberada durante a frenagem. Nos carros convencionais, essa “nova” energia é armazenada pela bateria, ajudando no abastecimento de itens como faróis, rádio etc. Já nos modelos de veículo elétrico, a energia é armazenada pela bateria responsável pelo deslocamento do carro.

6. LED

O componente vem se tornando comum na fabricação do automóvel, principalmente por causa de sua longa vida útil. Estima-se que faróis e lanternas de LED possam ficar mais de 100 mil horas acesos, resultando em uma economia de 70% se comparados às lâmpadas comuns.

Comentários