Cuca conquista o seu primeiro Brasileiro


Créditos: Ricardo Stuckert/CBF

Alex Stival chegou ao Palmeiras no começo do ano com um objetivo bem claro: fazer do clube campeão brasileiro. Nem mesmo a eliminação precoce na Taça Libertadores desanimou os torcedores do Palmeiras, que continuaram acreditando no trabalho de Cuca. Quase 10 meses depois, tanto o técnico quanto a torcida do Alviverde botaram a faixa de campeão brasileiro de 2016.

De sonho realizado, ainda no gramado, Cuca destacou a entrega dos jogadores como fundamental na conquista:

– É uma sensação de dever cumprido. É um sonho realizado, tenho que agradecer a esses jogadores. Eles atuaram com a maior paixão possível que um jogador pode ter por um clube – elogiou.

A conquista encerrou um jejum de 22 anos do Palmeiras, mas também significou muito para Cuca, que nunca havia vencido um Campeonato Brasileiro. O treinador chegou a fazer grandes campanhas com Botafogo e Atlético-MG, mas foi no Palmeiras onde saiu o título inédito, time que Cuca já revelou ser o do seu coração.

Para Cuca, o segredo foi a fé que o Palmeiras teve no título, desde o início:

– Todos querem ser campeão, todos acreditam. Mas acho que a gente acreditou mais – afirmou.

Essa também foi a primeira taça que Cuca levanta pelo clube. Como jogador, Cuca integrou o elenco do Palmeiras em 1992, mas não alçou grandes voos com a camisa alviverde. O máximo que conseguiu foi ser vice-campeão paulista, um ano antes do início do bicampeonato brasileiro do Palmeiras.

CBF

Comentários