Couro: feira em Xangai reunirá 18 empresas do Brasil

O principal país importador do couro brasileiro irá sediar em breve, entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro, uma das mais importantes feiras mundiais do setor. Trata-se da All China Leather Exhibition (ACLE), em Xangai, na China, que terá a participação de 18 grupos empresariais brasileiros expondo seus produtos com o apoio do Brazilian Leather – projeto de incentivo às exportações de couros do país desenvolvido pelo Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Negócios na ordem de US$ 130 milhões são esperados a partir da ACLE.

 

 

A feira ocorre neste ano em meio à expectativa de retomada de negócios da China, cujas importações arrefeceram em diversos segmentos nos últimos anos. No caso específico do couro brasileiro, o primeiro semestre do ano apresentou crescimento de 2,6% em área exportada para a China / Hong Kong em relação a 2016, o que pode sinalizar uma boa ACLE para os curtumes do país. “É um momento importante para o setor, que pode servir de apoio à definição da estratégia das empresas para o restante do ano e princípio de 2018”, destaca o presidente executivo do CICB, José Fernando Bello.

 

Além das 18 empresas expondo seus produtos com estandes próprios, o couro brasileiro estará representado em espaço exclusivo do projeto Brazilian Leather. No local, será exposto o Preview do Couro – Verão 2019. “Esta coletânea de peles foi vista em primeira mão no Inspiramais, em julho. São peças que viajam com nosso projeto para as principais feiras mundiais, sendo uma vitrine interessante do nosso potencial criativo e que também gera negócios”, destaca Letícia Luft, gerente do Brazilian Leather. A geração de negócios, explica Letícia, se dá porque o Preview do Couro apresenta artigos inovadores de curtumes presentes à feira, mas também de outros que não estarão no evento, multiplicando contatos e a visibilidade para empresas participante do projeto Brazilian Leather.

 

 

Na véspera da abertura da ACLE, o projeto Brazilian Leather irá participar do 3º Congresso Mundial do Couro, também em Xangai. Com o tema A Revolução do Couro: como a Indústria Responderá, o evento tem o apoio do projeto brasileiro desde o seu lançamento. Painéis e palestras com grandes especialistas mundiais do setor irão debater as tendências e perspectivas para o couro no mundo, incluindo aspectos como o crescimento do segmento automotivo para o material, o e-commerce, a indústria na China, marketing e matéria-prima.

 

Expositores da ACLE que têm o apoio do Brazilian Leather:

America Leather

Best Brasil

CBR Group – Couros Bom Retiro

Coming

Couro do Norte

Curtume Cacique

Curtume Ideal

Durlicouros

Euro-América

Fuga Couros

Gobba Leather

Hason International

Indústria de Peles Pampa

JBS Couros

Liderkoll

Luiz Fuga

Minerva S

Pacific Leather

Estande institucional: Brazilian Leather

Sobre o Brazilian Leather – Projeto setorial de internacionalização do couro brasileiro, o Brazilian Leather é conduzido pelo Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) em parceria com a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos). Várias são as estratégias de consolidação do produto nacional em mercados estrangeiros – incentivo à participação de curtumes nas principais feiras mundiais ligadas ao ramo e missões empresariais focadas ao estreitamento de relações entre fornecedores brasileiros e compradores de outros países são algumas delas. Mais informações em www.brazilianleather.com.br

 

 

Comentários