Corinthians sofre virada, perde para o Vitória por 3 a 2 e segue sem vencer


O Corinthians continua sem vencer no Brasileirão 2016. Após dominar o primeiro tempo e perder várias chances claras de gol, o time de Tite sofreu a virada do Vitória, por 3 a 2, na tarde deste domingo (22), no Barradão, em Salvador (BA). O duelo foi válido pela segunda rodada da competição.

Com este resultado, o time baiano se recupera da goleada sofrida na estreia contra o Santa Cruz, por 4 a 1. O clube assume posição intermediária na classificação, com três pontos. Por outro lado, os paulistas seguem na parte debaixo da tabela, com apenas um ponto conquistado no empate sem gols com o Grêmio.

No primeiro tempo, o que se viu foi um amplo domínio do Corinthians. O time de Tite encontrou muitos espaços para trocar passes na desorganizada defesa do Vitória. Foram inúmeras chances criadas, mas faltou pontaria aos paulistas. Explorando muito as costas do lateral-direito José Welison, os visitantes perderam várias chances claras. Até que chegaram ao gol aos 25 minutos. Após receber na esquerda, Guilherme deu lindo passe para o lateral Uendel, que invadiu a área pela esquerda e bateu cruzado, no canto esquerdo do goleiro.

Mesmo perdido em campo, o Vitória conseguiu chegar ao empate em um lance individual do meia Leandro Domingues. O jogador ganhou no corpo do volante Bruno Henrique. Ao tentar dar o passe, a bola rebateu no zagueiro Felipe e sobrou para o próprio meia, que mandou no canto esquerdo do goleiro Walter.

Após o empate, o Corinthians seguiu aproveitando os espaços na defesa do time baiano. O segundo gol parecia ser questão de tempo. E de fato, foi. Aos 38 minutos, o meia Giovanni Augusto recebeu de Guilherme pela esquerda e cruzou rasteiro. O atacante André furou, mas o lateral Fagner apareceu para completar para as redes.

No intervalo, o técnico Vágner Mancini conseguiu melhorar o setor defensivo do time da casa e o panorama do jogo mudou. Em tarde inspirada do atacante Marinho, o clube chegou ao empate aos 11 minutos. O zagueiro Felipe falhou e viu o atacante Vander avançar. Ele cruzou da esquerda, Uendel afastou mal e a bola bateu em Marinho. Este último só teve o trabalho de tirar do goleiro.

Com uma postura diferente, o Vitória passou a chegar com mais perigo ao ataque e já não sofria com as investidas do rival. O terceiro gol saiu em nova falha da defesa corintiana. Leandro Domingues lançou o atacante Kieza, que escapou nas costas dos defensores, invadiu a área e bateu na saída de Walter.

FPF

Comentários