Copa do Nordeste 2016: estádios do Mundial oferecem conforto e segurança


Arena das Dunas, em Natal, Arena Fonte Nova, em Salvador, e Arena Castelão, em Fortaleza, receberão jogos do torneio

A partir deste sábado (13) a bola vai rolar em nove estados do país pela Copa do Nordeste, competição que há três anos tem garantindo a maior média de público do país no primeiro semestre e chega a se aproximar da média do Campeonato Brasileiro em sua fase de mata-mata. E entre os motivos que explicam o sucesso de público da competição nordestina estão os quatro estádios de Copa do Mundo que ficam na região.

“Nas arenas de Copa do Mundo é possível receber os torcedores com mais conforto e segurança”, explica Alexi Portela, presidente da Liga do Nordeste. “É mais fácil de criar o cerimonial de entrada, o enfileiramento dos times, a apresentação da taça, a festa que existe no entorno do futebol”, enumera.

Três dos estádios que receberam jogos da Copa de 2014 serão utilizados na competição: Arena das Dunas, em Natal (RN), com 42 mil lugares, Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), com 50 mil lugares, e Arena Castelão, em Fortaleza (CE), com 63,9 mil lugares. A Arena Pernambuco, no Recife (PE), não deve ser usada este ano, pois o Náutico não se classificou para o torneio.

Estádios da Copa do Nordeste 2016
As partidas da Copa do Nordeste só poderão ser disputadas em estádios que obedeçam à capacidade mínima de público de acordo com cada estágio do torneio. Para as partidas da fase de grupos e para as quartas-de-finais, os estádios deverão ter capacidade mínima de 5.000 espectadores sentados e sistema de iluminação adequado para partidas noturnas. Já para as semifinais e finais, a capacidade mínima passa a ser de 10 mil assentos.

 

Agência Caixa

Comentários