CEJUSC começa a funcionar na segunda-feira em Iracemápolis

O prefeito Fábio Zuza, o vice-prefeito Messias Humberto de Oliveira, a coordenadora jurídica da Prefeitura, Araceli Sass Pedroso, e o chefe da seção judiciária do CEJUSC, Maurício José Massaro, estiveram reunidos na Prefeitura nesta terça-feira (30).

A pauta abordou o funcionamento do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (CEJUSC), que começa a atender a população na próxima segunda-feira (5).

Embora tenha sido instalado em dezembro do ano passado, o Centro Judiciário ainda não estava funcionando por causa de problemas na instalação do “IntraGov”, que é um link de internet específico para comunicação com o Tribunal de Justiça. A situação já está normalizada.

O local vai funcionar de segunda a sexta das 9h às 16h para ajuizamento de reclamações e das 9h às 17h para atendimento em geral.

No CEJUSC podem ser tratados diversos tipos de ações, como divórcio, reconhecimento e dissolução de união estável, regulamentação de guardas e reconhecimento de paternidade, além de ações da esfera cível como indenizações, relações de consumo, cobranças, acidentes de trânsito, problemas entre vizinhos e revisão de contratos.

Em nota à Imprensa, Fábio Zuza disse que o destaque do CEJUSC é a agilidade no atendimento, que é realizado sem custo para a população. “É feito de forma rápida, sem burocracia, e a audiência de conciliação é marcada num prazo médio de 30 dias”, informou.

O juiz coordenador do CEJUSC de Iracemápolis será o Dr. Rilton José Domingues. O setor irá funcionar na Rua Zaira Paggiaro Ometto, 555, Pq. Cesarino Borba.

 

Foto: Fábio Zuza (prefeito), Maurício José Massaro (chefe da seção judiciária do CEJUSC), Araceli Sass Pedroso (coordenadora jurídica da Prefeitura) e Messias de Oliveira (vice-prefeito)

 

Comentários