24Horas E por falar em música... Santa Bárbara d´Oeste

Bleck a Bamba faz show na Estação Cultural de S.Bárbara nesta sexta


Projeto é viabilizado por meio do Concurso de Projetos Culturais da Secretaria de Cultura e Turismo

Com todo seu rock e brasilidade, além das influências do funk, soul, rap, hip hop e reggae, a banda Bleck a Bamba assume o Palco Armazém da Estação Cultural nesta sexta-feira (27), a partir das 20 horas. A edição de janeiro do Vozes Barbarenses tem entrada franca. O projeto é viabilizado por meio do Concurso de Projetos Culturais da Secretaria de Cultura e Turismo de Santa Bárbara d’Oeste. A Estação Cultural está localizada na Avenida Tiradentes, nº 2, no Centro.

Formada em 2009, atualmente é composta pelos músicos Adriano Carvalho (Xupeta), André Franchi (Tripa), Will Euzébio, Henrique Franchi (Véiu), LP Caldari, Tchelo Casagrande e o rapper Nego Marx. A proposta do projeto, desde sua idealização, era trabalhar com músicas e composições próprias, desprendendo de rótulos e somando as diferentes influências de cada integrante, que tinham em comum o gosto por estilos que variam do rock até a música negra, como Tim Maia, Gerson King Combo, Sandra de Sá, até Pedro Luiz e a Parede, Planet Hemp, Sabotage e Nação Zumbi.

Em 2011, tocaram ao lado de artistas consagrados como Otto e Pitty, na Virada Cultural do Estado de São Paulo, para um público de aproximadamente 20.000 pessoas, além de apresentações em festivais como o Festival Ufscar de Música (Sorocaba), dividindo o palco com o rapper Emicida. De 2012 a 2014 passam por reformulação, focando nas composições do primeiro álbum para entrar em estúdio em 2014, com a formação oficial, e adotando o nome Bleck a Bamba. Nessa nova fase, já abriram shows de importantes nomes da música brasileira, como o Curumin, Rael, Nação Zumbi e O Rappa.

Sobre o Vozes Barbarenses

De agosto de 2016 até fevereiro de 2017 a Estação Cultural, espaço da Fundação Romi, recebe artistas barbarenses com composições próprias, dentro do “Vozes Barbarenses”, projeto viabilizado por meio do Concurso de Projetos Culturais nº 01/2015 da Secretaria de Cultura e Turismo de Santa Bárbara d’Oeste, conforme Contrato nº 125/2016 (Processo Administrativo n° 2015/141-03-07) de 28/04/2016 e cuja verba provém do Fundo Municipal de Política Cultural.

Os artistas participantes do projeto realizaram suas inscrições por meio do edital 0013/2016, lançado pela Fundação Romi, cujo critério principal de seleção foi a autoria das canções, tendo sido obrigatória a apresentação de um repertório formado por, no mínimo, 30% de composições próprias.

O projeto “Vozes Barbarenses” tem como objetivo reconhecer e valorizar os músicos e grupos de Santa Bárbara d’Oeste, especialmente, aqueles que produzem conteúdo autoral. A luta para ter suas composições ouvidas e conseguir tirar sustento disso, sempre foi uma tarefa árdua para todo artista autoral. A última edição do projeto será em fevereiro de 2017.

Colaboração: Assessoria de Imprensa da Fundação Romi

Assessoria de Imprensa

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
http://sb24horas.com.br